Como atuamos

Conheça a nossa política de atuação e de pedagogia da Rede Cultural Beija- Flor

Nossa metodologia

A Rede Cultural Beija-Flor utiliza as linguagens acadêmicas, artísticas, culturais e esportivas como ferramentas de intervenção socioeducativa. Nossa pedagogia é voltada em desenvolver a capacidade de observação do aluno, descobrir o seu potencial e de sempre ir além no processo de aprendizado. Nossos conteúdos são sobre valores universais, meio ambiente, higiene, boas maneiras, letramento, entre outros.

Eixos norteadores do trabalho socioassistencial

Eixo 1: Ser e expressar

De 6 a 18 anos

Compreende as atividades socioculturais e esportivas, proporcionando aos indivíduos contato a diferentes linguagens, transformando-as em mecanismos de expressão livre e construção de vínculos socioefetivos entre os participantes, a família e a comunidade.

Eixo 2: Ser e crescer

De 10 a 13 anos

Esse eixo abarca as atividade de transição da infância para a adolescência, dentro de uma perspectiva mais centrada nas necessidades educacionais, visando preencher algumas lacunas deixadas pela escola como as linguagem escrita e interpretiva, raciocínio lógico, inclusão digital, etc. Outro aspecto é desenvolver na criança um olhar mais sensível às necessidades do outro e do meio a sua volta, com práticas de respeito à diversidade ético-racial, gênero, meio ambiente, etc.

Eixo 3: Ser e despertar

De 14 a 16 anos

Esse eixo trata do conteúdo voltado para um despertar vocacional. O jovem passa a se perceber de forma mais integral, alinhando essa identidade, interesses e talentos, ao que ele vislumbra para seu futuro. Como referência desse eixo, temos o projeto Néctar.

Eixo 4: Ser e caminhar

De 16 a 24 anos

Esse é o eixo mais amplo e complexo pois relaciona novas áreas que a RCBF pretende atuar como cursos técnicos profissionalizantes, conceitos de gestão e empreendorismo, entre outros. Faz parte desse eixo a preparação do jovem para o mundo do trabalho, o encaminhamento de jovens para estágio nas empresas que atendem a Lei da Aprendizagem. Sobretudo, deseja-se que os jovens absorvam e utilizem em suas escolhas profissionais e educacionais, grande parte do conhecimento técnico, humano e social promovido nas formações da Rede Cultural Beija-Flor.

Desenvolvimento humano

Os nossos educadores fazem os alunos vivenciarem experiências que contribuam para ampliar a capacidade de dialogar e conviver com os outros. Usamos ferramentas que melhoram as condições de aprender, trocar, escolher, se olhar e olhar para o mundo. Esse desenvolvimento educativo é ideal para os jovens porque revela o potencial de cada um e os mostra que a vida é cheia de possibilidades.

Desenvolvimento humano

Os nossos educadores fazem os alunos vivenciarem experiências que contribuam para ampliar a capacidade de dialogar e conviver com os outros. Usamos ferramentas que melhoram as condições de aprender, trocar, escolher, se olhar e olhar para o mundo. Esse desenvolvimento educativo é ideal para os jovens porque revela o potencial de cada um e os mostra que a vida é cheia de possibilidades.

Os nossos projetos

Jovens Guerreiros

O projeto Jovens Guerreiros é um programa educativo, que visa melhorar o convívio social de 100 (cem) crianças entre 11 a 13 anos de idade, que vivem em situação de risco e vulnerabilidade. Incentiva a valorização do universo familiar, escolar, comunitário, cultural e as suas diversas formas de expressão, estimulando o desenvolvimento físico, educacional e social aliado ao espírito aventureiro da criança. Ao final de um ano essas crianças se tornam embaixadores do bem, realizando ações sociais em prol de sua comunidade.

Néctar

NÉCTAR é um Projeto em andamento há 5 anos que oferece aos jovens entre 14 e 16 anos um programa de orientação vocacional. Visa ampliar no grupo as fronteiras de seu mundo social e sua visão de futuro, educacional e profissional. Seu programa aborda diversos aspectos necessários ao desenvolvimento do adolescente como: cidadania, esporte, cultura, ensino técnico e língua estrangeira, comunicação, práticas filosóficas para a uma boa convivência, entre outros. Também, tem contato com diferentes realidades do mercado de trabalho, funções e ramo de atuação.

Tesouros da África

Tesouros da África é um projeto de ritmos tradicionais de matriz africana, para a comunidade do Eldorado em Diadema, que propõe uma experimentação instrumental a partir da leitura artística das relações, hábitos e transformações dos povos africanos, valorizando sua herança cultural.

Tribais

O projeto Tribais é um espetáculo de dança que mescla coreografias, elementos rítmicos e visuais para contar a história dos ritmos afro-brasileiros e a luta do povo africano em sobreviver e proteger sua cultura. Remetendo-nos à reflexão sociocultural e étnica e como isso reverbera na linguagem atual para jovens de comunidades periféricas, dançarinos de Breaking e diversos segmentos da Dança de rua.

Os nossos projetos

Jovens Guerreiros

O projeto Jovens Guerreiros é um programa educativo, que visa melhorar o convívio social de 100 (cem) crianças entre 11 a 13 anos de idade, que vivem em situação de risco e vulnerabilidade. Incentiva a valorização do universo familiar, escolar, comunitário, cultural e as suas diversas formas de expressão, estimulando o desenvolvimento físico, educacional e social aliado ao espírito aventureiro da criança. Ao final de um ano essas crianças se tornam embaixadores do bem, realizando ações sociais em prol de sua comunidade.

Néctar

NÉCTAR é um Projeto em andamento há 5 anos que oferece aos jovens entre 14 e 16 anos um programa de orientação vocacional. Visa ampliar no grupo as fronteiras de seu mundo social e sua visão de futuro, educacional e profissional. Seu programa aborda diversos aspectos necessários ao desenvolvimento do adolescente como: cidadania, esporte, cultura, ensino técnico e língua estrangeira, comunicação, práticas filosóficas para a uma boa convivência, entre outros. Também, tem contato com diferentes realidades do mercado de trabalho, funções e ramo de atuação.

Tesouros da África

Tesouros da África é um projeto de ritmos tradicionais de matriz africana, para a comunidade do Eldorado em Diadema, que propõe uma experimentação instrumental a partir da leitura artística das relações, hábitos e transformações dos povos africanos, valorizando sua herança cultural.

Tribais

O projeto Tribais é um espetáculo de dança que mescla coreografias, elementos rítmicos e visuais para contar a história dos ritmos afro-brasileiros e a luta do povo africano em sobreviver e proteger sua cultura. Remetendo-nos à reflexão sociocultural e étnica e como isso reverbera na linguagem atual para jovens de comunidades periféricas, dançarinos de Breaking e diversos segmentos da Dança de rua.

Viabilização dos projetos por leis de incentivo

Por meio das leis de incentivo fiscal como a Lei Rouanet e o CONDECA, empresas podem destinar parte do seu imposto de renda devido para os nossos projetos. Além do benefício fiscal, em que a empresa pode abater 100% do valor investido, esses incentivos transformar as vidas de milhares de crianças e adolescentes.

Viabilização dos projetos por leis de incentivo

Por meio das leis de incentivo fiscal como a Lei Rouanet e o CONDECA, empresas podem destinar parte do seu imposto de renda devido para os nossos projetos. Além do benefício fiscal, em que a empresa pode abater 100% do valor investido, esses incentivos transformar as vidas de milhares de crianças e adolescentes.

Conheça nossas unidades

UNIDADE I / ECBF

Espaço Cultural Beija-Flor (MATRIZ)

A matriz da Rede Cultural Beija-Flor foi inaugurada em 2003 e oferece à comunidade uma nova metodologia de atuação através do PACE – Programa de Arte, Cultura, Educação e Cidadania. O espaço oferece cursos gratuitos de capoeira, kickboxing, artes plásticas, música/percussão, dança, inglês e informática.

UNIDADE lll / NCOS – Núcleo de Comunicação Olhar Social

O núcleo, criado em 2010, é orientado para projetos de formação nas áreas de comunicação e conectividade. Seu objetivo é empoderar os alunos e dar voz à comunidade. O centro oferece conteúdos técnicos com oficinas de jornalismo, design, fotografia e produção de vídeos.

UNIDADE II / NCSJ

Núcleo Comunitário Sítio Joaninha

O núcleo situado em Sítio Joaninha conta com projetos de empreendedorismo juvenil na Educação Nutricional por meio do “NUTRI-AÇÃO”. Esse programa de educação nutricional e gastronomia interliga ações comunitárias como o Projeto Feirante Consciente e aulas na Cozinha-Escola e Horta Orgânica.

Chácara de Convivência e Férias Beija-Flor

Desde 2011, a Beja Flor atende atende crianças e jovens no litoral paulista. Essa chácara tem como objetivo de promover o convívio saudável com a natureza por meio dos esportes de ação: surf, skate e caiaque. Também são oferecidos projetos de educação ambiental e intercâmbios em aldeias Guaranis da região. Além de ser um ótimo local para passar as férias!